SINOPSE: CuCo (2012)

"Cuco" propõe um diálogo com a linguagem dos bebês, colocando-os como protagonistas e centro do processo de criação. Motivado por aquela que parece ser uma das primeiras experiências lúdicas e estéticas dos bebês, o jogo entre o “esconder e o revelar”, o espetáculo apresenta personagens que percorrem um universo repleto de surpresas. Numa brincadeira de criar sentidos, objetos se transformam em uma atmosfera espetacular na qual as fronteiras do tempo e das formas circundam o real e o imaginável. Bebês e crianças pequenas percorrem esta experiência, no qual é lícito experimentar e viver a possibilidade de contemplar. Se para os bebês esta experiência pode representar uma forma de conhecer o mundo, para a Caixa do Elefante teatro de Bonecos ela se configura como um meio de aproximação da linguagem dos bebês, reconhecendo suas ações e a formas singulares que eles utilizam para participar e usar a cultura da qual fazem parte.

FAIXA ETÁRIA: bebês e crianças pequenas de 0 a 3 anos

TÉCNICA: teatro de objetos e formas animadas.

DURAÇÃO: 45 min.

para mais informações acesse: cucoteatroparabebes.wordpress.com

CARACTERÍSTICAS

ESPAÇOS NECESSÁRIOS:

  ÁREA PARA ESTACIONAMENTO DE CARRINHOS, BAGAGENS E CALÇADOS: 3m x 5m;

  FRALDÁRIO: banheiro próximo ao local para trocador, com 1m x 0,80m;

  ESPAÇO DE ACOLHIMENTO: Sala ao lado da área de atuação, com 6m x 6m;

  ESPAÇO NECESSÁRIO PARA ATUAÇÃO E ACOMODAÇÃO DO PÚBLICO: Salão ou palco, com 10m de largura x 10m de profundidade, podendo reduzir para 10m x 5m.

EQUIPE: 6 pessoas

NÚMERO DE ESPECTADORES: 60 adultos e 60 crianças.

TEMPO DE MONTAGEM: 6 a 8 h

TEMPO DE DESMONTAGEM: 2 h

PESO DO MATERIAL: 110kg

FICHA TÉCNICA

Roteiro e direção: Mário de Ballentti

Pesquisa e concepção pedagógica: Paulo Focchi

Elenco: Ana Luiza Bergmann e Bruna Baliari Espinosa

Cenografia, Figurinos e objetos cênicos: Margarida Rache

Composição de Trilha sonora, arranjos, execução e programação de instrumentos: Marcelo Delacroix e Beto Chedid

  Vocais: Simone Rasslan

  Piano: Fernando Spillari

  Violão e bandolim: Veco Marques

  Violoncello: Rodrigo Alquati

  Gravado nos estúdios da Central de Trilhas Gravações adicionais nos estúdios Marquise 51 e Tec Audio.

Criação de luz: Fabrício Simões

Técnico de Som: Marcos Nicolaiewsky

Criação gráfica: Clo Barcelos

Desenhos: Mário de Ballentti

Assessoria de Imprensa: Simone Lersch

Produção e Realização: Caixa do Elefante

CRÍTICA

Prêmio FUNARTE de Teatro Myriam Muniz 2012

APOIO

...